Desde dia 1 Dezembro 2013 que é obrigatório apresentar o certificado energético  para a comercialização de qualquer imóvel habitacional ou comercial.

Essa obrigação existe desde o momento em que coloca a sua casa à venda, até ao dia da tão esperada escritura.

Mas muitas pessoas continuam a desconhecer esta obrigatoriedade ou simplesmente tendem  a adiar,  na expectativa de “poupar” algum dinheiro, pelo menos enquanto não tiverem a certeza que vão vender efectivamente a sua casa. 

 Abordamos então  este tema, na medida em que acreditamos que adiar a emissão do certificado Energético não irá ajudar na venda da casa, nem poupar dinheiro a ninguém… e passamos a explicar o porquê, através do  nosso ponto de vista:

Quando colocar a sua casa à venda, com a imobiliária a quem confiou esta importante tarefa, (se forem profissionais e responsáveis)… irão solicitar  o  documento (certificado energético),  para promoção e venda do seu imóvel. E….Porquê?

  • Porque é obrigatório por lei até para publicar o imóvel on-line , na montra ou em qualquer outra plataforma publicitária que tenha como objectivo a venda do apartamento/prédio ou loja e o não cumprimento  da apresentação deste documento pode dar lugar a multas avultadas, não só para imobiliária como também para o proprietário.
  • Porque os clientes compradores estão  mais atentos e dão mais  importância à sustentabilidade das casas e estão cada vez mais conscientes  do que têm que fazer pelo ambiente …por isso e outras questões como a poupança em água, luz, capacidade térmica etc ,  gostam cada vez mais  de saber a eficiência energética da casa que se propõem a comprar.
  • Porque não irá conseguir escriturar a casa se não apresentar o CE(certificado energético) ao notário.
  • Porque emitir o CE (certificado energético) em cima da hora não lhe dá a oportunidade de avaliar as várias opções e orçamentos, na maioria das vezes a urgência na emissão do documento para a venda da casa irá custar-lhe mais caro.

Por tudo isto , relembramos que ter o certificado energético do imóvel é obrigatório e nós podemos ajudar!

www.kinvest.pt